Naturalis - Excelência em Qualidade

Lutein Plus


Voltar

A Luteína é um Carotenoide que se acumula na mácula, região do olho localizada atrás da retina e responsável pela acuidade visual. Possui ação antioxidante que protege as células contra os radicais livres. Seu consumo deve estar associado a uma alimentação equilibrada e hábitos de vida saudáveis. O Óleo de Peixe de alta concentração fornece uma maior quantidade de DHA (Ácido Docosahexaenoico), substância que participa da constituição de 60% das membranas fotorreceptoras da retina.

APRESENTAÇÃO Embalagens com cápsulas de 630mg

COMPOSIÇÃO COMPOSIÇÃOCada cápsula de 630mg contém 10mg de Luteína extraída das pétalas da Tagete erecta e 580mg Óleo de Peixe com alta concentração de DHA.

COMPOSIÇÃO DA CÁPSULA Gelatina Farmacêutica, Glicerina, corantes INS 171, INS 110, INS 124, INS 133 e Água.

MODO DE USAR Adultos: aconselha-se a ingestão de uma cápsula, uma vez ao dia, antes de uma das principais refeições.

CUIDADOS DE CONSERVAÇÃO Conservar ao abrigo de luz, calor e umidade.

ADVERTÊNCIAS

Não contém glúten. Não contém fenilalanina.

Cápsula colorida artificialmente.

"O Ministério da Saúde adverte: Não existem evidências científicas comprovadas que este alimento previna, trate ou cure doenças."

"Pessoas alérgicas a peixes e crustáceos devem evitar o consumo deste produto."

"Pessoas que apresentem doenças ou alterações fisiológicas, mulheres grávidas e lactantes devem consultar o médico antes de consumir este produto."

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. SOMMERBURG, O.G.; SIEMS, W.G.; HURST, J.S.; LEWIS, J.W.; KLIGER, D.S.; VAN KUIJK, F.J. Lutein and zeaxanthin are associated with photoreceptors in the human retina. Curr. Eye Res. 1999, 19, 491–495.

2. RAPP, L.M.; MAPLE, S.S.; CHOI, J.H. Lutein and zeaxanthin concentrations in rod outer segment membranes from perifoveal and peripheral human retina. Investig. Ophthalmol. Vis. Sci. 2000, 41, 1200–1209.

3. MA, L.; YAN, S.F.; HUANG, Y.M.; LU, X.R.; QIAN, F.; PANG, H.L.; XU, X.R.; ZOU, Z.Y.; DONG, P.C.; XIAO, X.; et al. Effect of lutein and zeaxanthin on macular pigment and visual function in patients with early age-related macular degeneration. Ophthalmology 2012, 119, 2290–2297.

4. Ma, L,; Dou, H.L.; Huang, Y.M.; Lu, X.R.; Xu, X.R.; Qian, F.; Zou, Z.Y.; Pang, H.L.; Dong, P.C.; Xiao, X.; et al. Improvement of retinal function in early age-related macular degeneration after lutein and zeaxanthin supplementation: A randomized, double-masked, placebo-controlled trial. Am. J. Ophthalmol. 2012, 154, 625–634.

5. BONE, R.A.; LANDRUM, J.T.; DIXON, Z.; CHEN, Y.; LLERENA, C.M. Lutein and zeaxanthin in the eyes, serum and diet of human subjects. Exp. Eye Res. 2000, 71, 239–245.

6. BONE, R.A.; LANDRUM, J.T.; GUERRA, L.H.; RUIZ, C.A. Lutein and zeaxanthin dietary supplements raise macular pigment density and serum concentrations of these carotenoids in humans. J. Nutr. 2003, 133, 992–998.